Arquivo da tag: onde comer pg

Alunos da UTFPR auxiliam setor de alimentos a seguir normas da Anvisa

Estudantes do curso de Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), campus Ponta Grossa, estão realizando serviços de tabela nutricional e rotulagem de alimentos para micro e pequenos empresários. O trabalho da Empresa Petri Júnior é realizado de forma voluntária pelos alunos, com o objetivo de auxiliar o ramo alimentício a seguir às regras da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Participantes da Empresa Petri Júnior, da UTFPR. Foto de antes da pandemia/Foto: Divulgação

De acordo com a diretora-presidente da empresa, Amanda Edling de Barros, empresas juniores não possuem fins lucrativos. “Os valores arrecadados com nossos serviços são revertidos para capacitação técnica dos membros e despesas gerais da empresa”, explica. Durante todo o período em que estão na universidade e participam do projeto, eles são orientados por professores doutores.

Uma das principais atividades realizadas pelos membros é tabela nutricional e a rotulagem. Segundo Amanda, os alimentos produzidos, comercializados e embalados previamente ao consumo e prontos para serem oferecidos aos clientes precisam obrigatoriamente destas informações. “Este serviço é feito 100% em home office. Nós pegamos algumas informações, como a receita, quantidade e afins, para elaborar a tabela”, esclarece.

O Brownie da Malu ainda está em processo de rotulagem dos produtos/Foto: Divulgação

Foi o que fez a Maria Luiza de Almeida, do Brownie da Malu. Ela passou a investir nesse setor na Páscoa de 2020 e, desde então, quis crescer no mercado. Depois de uma reunião por vídeo com a equipe, fecharam uma parceria. “Nós estamos no processo de rotulagem dos nossos produtos, com a tabela nutricional e tudo que é necessário, como validade, ingredientes, tudo dentro das normas”, conta.

Segundo Maria Luiza, está é uma ótima oportunidade, que vai agregar no negócio dela. “Nós sentíamos a necessidade da rotulagem para o produto se vender em outros estabelecimentos, para o próprio produto explicar suas especificações, além de estar regular”, afirma. Ela acredita que seja a forma mais segura para os clientes consumirem.

A Bellfit Marmitaria Saudável também buscou o trabalho da Empresa Petri Junior para todos os produtos oferecidos no cardápio, com intuito de cumprir as normas e tornar o trabalho mais profissional. “Além de ser um preço bem mais baixo do que as empresas tradicionais deste ramo no mercado, a qualidade e profissionalismo é de mesmo nível. Qualidade no atendimento e prazos cumpridos em datas já estipuladas”, revela a proprietária Maria Izabel Marcowicz. O trabalho foi realizado em julho deste ano.

A marmitaria Bellfit está em processo de atualização das embalagens para a nova rotulagem/Foto: Divulgação

Além do trabalho de rotulagem e tabela nutricional, a equipe possui um time capacitado para fazer análises físico-químicas e microbiológicas, produtos fermentados, biossegurança (mapa de risco e consultoria) e ambiental (compostagem). “Contratando uma empresa júnior, você e seu empreendimento não só se beneficia com um projeto executado com excelência e de custo acessível, mas também permite o desenvolvimento dos membros do projeto cada vez mais”, explica.

Da universidade para a sociedade

A Empresa Petri Júnior está no mercado há 1 ano e 7 meses e possui uma equipe formada por 26 pessoas. De acordo com a professora do Departamento Acadêmico de Bioprocessos e Biotecnologia e Orientadora da Petri, Simone Bowles, os alunos passam por um processo seletivo, que acontece uma vez por ano. Os membros da empresa podem ficar até o fim da graduação e todos são voluntários.

Segundo ela, o trabalho é um diferencial na formação do acadêmico, pois proporciona a integração dos aprendizados em sala de aula com a realidade do seu entorno. “ Por meio deste projeto, é possibilitado ao aluno o enriquecimento de seu potencial de gestão, de planejamento, de trabalho em equipe, de empreendedorismo, de espírito científico de uma forma intensa”, salienta. 

Por conta da pandemia, os estudantes estão com atendimento online para clientes, além de reuniões de alinhamento com a equipe pela internet./Foto: Divulgação

Amanda acredita que o trabalho da empresa contribui para desenvolver a sociedade e o próprio conhecimento acadêmico. “A nossa empresa inspira-se na missão do Movimento Empresa Júnior que é formar, por meio da vivência empresarial, empreendedores comprometidos e capazes de transformar o Brasil”, finaliza a diretora-presidente da Empresa Petri Júnior.

Para contratar os serviços, basta entrar em contato pelo telefone (42) 99837-1403. O horário de atendimento é de segunda a sexta, das 8h às 18h.

Alimentos que não necessitam de rotulagem nutricional, conforme a Anvisa:

– bebidas alcoólicas;

– aditivos alimentares e coadjuvantes de tecnologia;

– especiarias;

– águas minerais e as demais águas de consumo humano;

– vinagres;

– sal (cloreto de sódio);

– café, erva mate, chá e outras ervas sem adição de outros ingredientes;

– Produtos fracionados nos pontos de venda a varejo, comercializados como pré-medidos (ex.: produtos fatiados como queijos, embutidos etc.)

– frutas, vegetais e carnes in natura, refrigerados e congelados;

– alimentos preparados e embalados em restaurantes e estabelecimentos comerciais, prontos para o consumo como por exemplo sanduíches e sobremesas do tipo flan, mousse etc., também estão excluídos da rotulagem nutricional, exceto no caso de serem comercializados para outros estabelecimentos.