Aplicativo de créditos e recompensas possui 16 mil usuários em PG

por Silvia Cordeiro

Um aplicativo de recompensa de pagamentos está ganhando espaço em Ponta Grossa. O Beblue é uma empresa criada em 2016, em Ribeirão Preto (SP), mas só começou a funcionar efetivamente nos Campos Gerais em maio de 2018. Desde então, 28 estabelecimentos passaram a se credenciar ao programa e 16 mil usuários da cidade têm se beneficiado dessa plataforma.

O Beblue – na tradução “Seja Azul” ou “Estar no azul” – é a primeira fintech brasileira de pagamentos, que permite o consumidor aumentar seu poder de consumo por meio de recompensa em cashback. “O próprio nome em inglês já diz. É dinheiro de volta. Toda compra no parceiro credenciado gera um percentual de cashback, no mínimo de 1%”, explica o líder comercial do Beblue em Ponta Grossa, Diogo Mendes.

Ele informa que o saldo vai sendo acumulado conforme a quantidade de compras em locais credenciados e a porcentagem definida pelo estabelecimento. Em Ponta Grossa, estão ligados ao programa segmentos como postos de combustíveis, bares, restaurantes, perfumaria, pet shop, acessórios para celular e aluguel de carros.

O consumidor ainda tem outro benefício, que é de transferir o saldo entre amigos. Diogo conta sobre uma situação ocorrida com uma amiga, que estava sem dinheiro para colocar combustível. “Ela juntou os saldos das amigas, que estavam no carro com ela, e gerou uma quantia necessária para abastecer. Aí saíram felizes para o rolé”, comenta. É possível utilizar o Beblue em todo o país.

Como funciona para o proprietário

Para o proprietário que adquire o programa, é uma forma de manter o valor agregado para o produto oferecido. “Um produto que custa R$ 10 pode continuar com o mesmo valor. Não há necessidade de baixar para R$ 9 para dar o desconto. Ele pode manter o custo e fazer um saldo gerador de cashback para o cliente. Com isso, ele vai se fidelizar, porque não fica alienado ao estabelecimento”, esclarece.

O dono do local também tem a mensalidade da maquininha de acordo com o faturamento, mas que pode ser isenta dependendo da situação. Além disso, existe uma taxa administrativa cobrada pelas transações. “Isso varia de acordo com o segmento. A gastronomia é de 3,5%”, afirma o líder comercial do Beblue.

Como funciona para o consumidor

O usuário pode ter acesso ao Beblue ao baixar o aplicativo gratuitamente, que está disponível em Android e IOS. No app, é necessário cadastrar um usuário com um CPF. Para começar a ter um retorno da parte do valor gasto em algum produto, é preciso comprar em um estabelecimento credenciado e informar na hora do pagamento. No caixa, o atendente lhe mostrará a maquininha Beblue, que aceita os cartões Visa, MasterCard, Elo e Hipercard. Após o pagamento, é preciso digitar o CPF ainda no aparelho. Pronto! O saldo começará a ser atribuído a sua conta.

Para utilizar o saldo, é necessário informar ao caixa. Será preciso digitar o CPF e a senha cadastrada para fazer o pagamento. Vale ressaltar que a utilização do cashback não gera um novo saldo. O cliente deve fazer uma nova compra para começar a usufruir do benefício novamente. Existe também a possibilidade de pagar via boleto uma quantidade de valor para ficar no saldo da conta, chamado de saldo pré-pago.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s